Battlefield 6 | EA pode ter adiado o anúncio devido a queda do foguete chinês

Tudo está bem quando termina bem: apesar das preocupações das últimas horas, que afetaram principalmente os habitantes do centro-sul da Itália, os destroços da segunda etapa do foguete chinês Longa Marcha 5 reentraram na atmosfera e caíram no indiano Oceano. Em uma área próxima às Maldivas, sem impacto para as pessoas. O único “dano” causado pelo módulo chinês fora de controle poderia, portanto, ter sido a programação da Electronic Arts e da DICE, pelo menos de acordo com o que foi declarado pelo famoso Tom Henderson.

Vamos dar um pequeno passo para trás: alguns dias atrás, uma faixa de áudio do primeiro trailer do novo Battlefield vazou online, sugerindo a publicação iminente do vídeo completo. O trailer do jogo contará com cenas muito parecidas aos dos eventos do mundo real atual, e para evitar confusão, a empresa adiou a revelação.

Supondo e garantido que o adiamento do trailer realmente aconteceu, a que se poderia atribuir? Segundo Henderson, justamente na queda do foguete chinês fora de controle, já que o trailer do Battlefield mostraria a destruição e queda de um foguete, resultando na morte dos soldados abaixo.

A Electronic Arts e a DICE teriam, portanto, decidido aguardar a evolução da situação, uma vez que, em caso de danos reais, tal trailer teria sido bastante inconveniente e fora de lugar. O raciocínio é válido, mas na ausência de declarações oficiais não podemos confirmar se as coisas realmente aconteceram assim. Aproveitamos esta oportunidade para lembrá-lo de que há alguns dias duas supostas imagens do Battlefield também vazaram, mostrando destruição em grande escala e eventos climáticos adversos, bem como um foguete sendo destruído

Fonte: EVERY EYE

Roger

Grande fã de jogos e filmes. Sou apaixonado pelas franquias GTA e The Witcher, as quais considero minhas favoritas, porém também sou um grande fã das sagas Resident Evil e Minecraft.