Juíza nega recurso da Sony e empresa é obrigada a desbanir PS5 em SP

A Sony teve um recurso negado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) e terá que desbloquear o PlayStation 5 de um cliente que foi banido por baixar jogos da PS Plus Collection para outras pessoas. Devido ao abuso dos jogadores, a Sony acabou tomando uma ação, banindo em massa todos que se aproveitaram da PS Plus Collection. No entanto, parece que o Tribunal de Justiça discorda dessa decisão da Sony.

No começo do ano, uma usuária de São Paulo acabou ganhando o processo contra a Sony, mas a empresa acabou recorrendo para que a sentença fosse anulada. A Sony alegava que a usuária havia concordado com os termos de uso do console, os quais, de acordo com ela, estavam bem expostos.

No entanto, a relatora Deborah Lopes discordou da Sony, afirmando que os termos realmente proíbem compartilhar a PS Plus Collection, mas que não deixa claro quais são as punições para tais atos. Além disso, ela considera que o banimento é uma ação abusiva por parte da empresa, colocando o consumidor em desvantagem.

A Sony será obrigada a reativar o console da usuária, além de arcar com as custas do processo e pagar R$1.5 mil em honorários aos advogados da autora da ação.

Roger

Grande fã de jogos e filmes. Sou apaixonado pelas franquias GTA e The Witcher, as quais considero minhas favoritas, porém também sou um grande fã das sagas Resident Evil e Minecraft.