FIFA 22 | Unidos somos mais fortes

FIFA 22 | Unidos somos mais fortes - Gaming Lab

Iae, galera. 6 estão de boas?

          Não podia terminar esta série sobre os esquemas táticos sem falar sobre um dos mais famosos e que levou o Brasil a diversas copas, inclusive ganhando uma com a dupla Romário e Bebeto. Sim, hoje é dia de desossar o 442.

          O grande trunfo dele é a sinergia entre todos os setores e a forma unidirecional de ataque. Sabe aquele ditado da água mole que fura a pedra dura? Então, se aplica neste caso. O ataque é constituído por dois jogadores e eles têm tudo para fazer tabelinhas ou mandar aquela bola enfiada no meio da defesa para fazer com que o goleiro saia da sua zona, permitindo o chute colocado. Já percebeu que grande parte dos gols do Romário eram assim? Você pode inserir força total colocando dois CA, dois SA ou um de cada porque em todos os casos você terá um ataque consistente. O que importa é a velocidade e o bom passe entre eles, além da finalização.

          De igual importância, o meio de campo é formado por um MD, um ME e dois VOL ou dois MC, caso queira um time mais agressivo. Os MD e ME deve ser habilidosos, pois servem para abrir espaço e variar as jogadas ou até mesmo municiar o ataque com passes, bolas enfiadas e cruzamentos. Dificilmente eles chutarão de fora da área porque eles primeiro devem passar pelo lateral e depois abrir espaço entre o meio de campo e a zaga adversária, ou seja, normalmente estão desequilibrados ou na diagonal do gol, o que faz com que o goleiro tenha mais tempo para projetar uma defesa e evitar o gol de longe.

          Se você quiser um 442 clássico, insira dois VOL e isso permitirá que seu time fique com uma defesa mais sólida e o oponente já encontre obstáculos no meio de campo, sem contar que você terá mais chances de roubar a bola e iniciar um contra-ataque. Se optar por usar dois MC, o seu time ficará mais habilidoso, com um passe melhor, mais lento na construção das jogadas e, ao mesmo tempo, mais mortal. Se perder a bola, os MD, ME e os laterais estarão próximos e poderão fazer a cobertura.

          Assim como os outros sistemas, a defesa é padrão com dois zagueiros e dois laterais, que podem apoiar o meio de campo, oportunizando que os MD e ME possam avançar e servir como um terceiro atacante ou ponta.

          Justamente por causa da sinergia, todos os jogadores cansam de forma uniforme e conjunta, logo você não precisará se preocupar com exaustão. Mas como é um esquema fechado, você não poderá trocar o esquema com poucas substituições, na verdade, elas serão apenas entre jogadores de mesma posição.

          As dicas para quem usa este esquema são: use e abuse do toque de bola e ataque e defenda em conjunto como se o time fosse um bloco. Dificilmente você terá um caminho aberto para fazer um sprint ou driblar vários, contudo sempre terá a opção de fazer tabelinhas curtas. Outra coisa, tentem não chutar de longe, todavia, prefiram chutes com finesse na saída do goleiro no canto oposto. É fatal.

          Já se for jogar contra, percebam que o time normalmente atacará somente pelo meio porque não tem jogadores que usam as alas. Se você conseguir marcar os ME e o MD e cercar de longe os atacantes, interceptando as tabelinhas, você irá neutralizar o adversário com êxito e impedirá que seu goleiro seja vencido.

Gostou desta análise? Gosta deste esquema? Seu comentário é importante.

🔔Curte nosso conteúdo? Então compartilhe e fique ligado em nossas redes sociais para não perder nenhuma novidade!